quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Cavalo à solta



Cavalo à solta

Minha laranja amarga e doce
meu poema
feito de gomos de saudade
minha pena
pesada e leve
secreta e pura
minha passagem para o breve
breve instante da loucura.

Minha ousadia
meu galope
minha rédea
meu potro doido
minha chama
minha réstia
de luz intensa
de voz aberta
minha denúncia do que pensa
do que sente a gente certa.

Em ti respiro
em ti eu provo
por ti consigo
esta força que de novo
em ti persigo
em ti percorro
cavalo à solta
pela margem do teu corpo.

Minha alegria
minha amargura
minha coragem de correr contra a ternura.

Minha laranja amarga e doce
minha espada
poema feito de dois gumes
tudo ou nada
Por ti renego, por ti aceito
este corcel que não sossego
à desfilada no meu peito

Por isso digo
canção castigo
amêndoa travo corpo alma amante amigo
por isso canto
por isso digo
alpendre casa cama arca do meu trigo.

Minha alegria
minha amargura
minha coragem de correr contra a ternura

Minha ousadia
minha aventura
minha coragem de correr contra a ternura.

 
Letra: Ary dos Santos
Música e interpretação:  Fernando Tordo

32 comentários:

  1. Um lindo Poema de Ary!
    Que força!
    Que beleza!
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Isa

      Os poemas de Ary são sempre cheios desta força, da "garra" que o caracterizava.

      A música e interpretação de Fernando Tordo completam a beleza do momento.

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Uma maravilha, este "Cavalo à Solta", quer o poema, quer a música.

    Aliás, não há um único poema do nosso Ary de que não goste.

    Beijinho, Amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Teresinha

      Uma vez mais totalmente de acordo contigo, gosto de todos os poemas de Ary dos Santos.

      Fica a promessa de aqui colocar mais poesia de Ary.

      Beijinhos

      Eliminar
  3. Um belo escrito... show em se vê, lê e ouvir. Boa noite amiga Tetis, vim validar teu voto na final do pena de ouro e amiga a forma como deixastes teu voto entre versos é digno também de uma pena de ouro :) e dia 5 a festa de encerramento, conto tua presença minha querida... Ah! e deixei na Ilha o selo do encontro blogueiro em Portugal, será o segundo em Lisboa, será que vai dá para fazermos um em Lisboa? beijos e beijos minha amada.. dias de luz e paz!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Lindalva

      Claro, sou uma poetisa de alto gabarito. Para o próximo Pena de Ouro concorro :)

      Sobre o encontro blogueiro em Portugal, não sei se dará para estar presente dado o meu estado de saúde. Depois escrevo-te a dizer o que se passa.

      Beijinhos

      Eliminar
  4. Meus queridos e Tétis

    Uma música e poema maravilhosos, adoro tudo o que o Ary dos Santos escreve.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Sonhadora

      Para mim também são todos maravilhosos os poemas do Ary.

      Neste caso, assim como noutros, a música ajusta-se-lhes na perfeição.

      Beijinhos amigos

      Eliminar
  5. Hoje com o coração muito apertado
    com a alma triste pelo afastamento
    do menino poeta enamorado da (LUA)
    Um poeta que conta as estrelas
    da sua janela .
    Vai deixar uma grande lacuna não só
    no meu coração.
    Mais a todos que ama seus poemas
    e o carisma que trata todos nos.
    Minha homenagem ao meu maior idole
    esta na postagem.
    Vai se afastar sim:deixando seu livro
    um grande legado para quem conseguiu um exemplar.
    E seu exemplo que jamais vou esquecer
    Como esquecer de quem tanto me apoia
    de quem eu tanto amo.
    Virei poeta para homenagea-lo .
    Um abençoado final de semana beijos paz e luz.
    Evanir..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Evanir

      Compreendo a sua tristeza pelo afastamento do "seu menino poeta" que também tanto admiro.

      Tenho esperança que ele reconsidere e não se afaste de todos nós, seria uma perda irreparável.

      Desejo aos dois tudo de bom e muitos beijinhos amigos.

      Eliminar
  6. Bom, entre cachoeiras e translúcidas águas,sorver letras tuas!

    Bzuz fraternos do casal Re E RI

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amigos

      Obrigada pela vossa visita e comentário de que muito gostei.

      Beijinhos meus para Re e Ri

      Eliminar
  7. Boa tarde querida Tétis !!

    Que belo este Poema "Cavalo à Solta". Penso que é assim que um coração perdidamente apaixonado se comporta, com o arrojo de um belo Corcel, a velocidade e imperiosidade em amar !!!! Belíssimo !!

    Querida Tétis, já fui tocada pelos fachos de luz do "Farol chamado Amizade". E que gostoso cá vir e encontrar estas luzes de poesia e amor !!

    Minha nova e querida amiga, um fds abençoado a ti e teus companheiros deste belo espaço !!

    Aromas de Rosas...
    Lilly Rose

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lilly Rose

      Fiquei feliz com a tua visita e com as palavras carinhosas que aqui deixaste.

      Por todo o Farol ficou um bom "aroma de rosas".

      Até breve.

      Beijinhos

      Eliminar
  8. Boa noite Tétis!!!Belo poema do Ary dos Santos,um dos grandes poetas do século passado.Sobre o poema cavalo a pude perceber que a musa inspiradora, amarga e doce, comparado à uma laranja, é feita de gomos de saudade, pois é doce a lembrança por ter vivido deliciosas experiências com a divindade inspiradora, mas amargo o sentimento de saudade que ela deixou a ele.É uma aventura e um desafio amar essa musa inspiradora, os motivos podem ser muito, por ser uma amor proibido por exemplo mas acho que essa musa é alguém indomável!
    Beijos com carinho!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Val

      Que bom ver-te por aqui.

      Adorei a tua visita e gostei da interpretação que fizeste deste poema.

      Até breve.

      Beijinhos

      Eliminar
  9. Querida Tétis

    Voltei agora de férias e venho agradecer a vossa mensagem no dia Dia de Amigo e o Selinho dedicado a esse dia.

    Adorei reler e ouvir de novo 'Cavalo à Solta', de Ary dos Santos.

    Obrigada.

    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Olinda

      Espero que as férias tenham sido boas e que tenhas conseguido, pelo menos, descansar e relaxar um pouco.

      O "Cavalo à Solta" do Ary e do Tordo nunca é demais voltar a relê-lo e ouvi-lo.

      Beijinhos amigos

      Eliminar
  10. A voce também minha amiga querida. obrigado por compartilhar tantas coisas lindas e interessantes. Beijos!!!;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Paulo

      Adoro partilhar com os amigos aquilo de que gosto. Penso que a partilha é uma forma de nos darmos, de dividirmos carinho e Amizade.

      Beijinhos

      Eliminar
  11. ¸.•♫°`♡彡

    Que vídeo lindo!

    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil
    ¸.•♫°`♡彡✿⊱╮

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Inês

      Obrigada pela visita e comentário.

      Fico feliz em saber que gostaste do vídeo que escolhi para partilhar com os amigos.

      Beijinhos

      Eliminar
  12. Ola amigos, olá minha prezada amiga Tétis! Emocionei-me com este vídeo e com o galope elegante dos cavalos. Nasci no campo, cresci ao lado de cavalos à solta. Estas imagem me remetem a um passado que jamais se apagará em minha memória, onde sem sela ia eu ao lombo de montarias galopando pelos verdes campos de meu lugar. Some se a isso o belo poema da canção, a melodia sugestiva e o cantar vibrante. Acho que no reino animal os pássaros seriam os cantores e os corcéis pelo ser garbo e elegância seriam os poetas. Adoro cavalos e vê-los galopando no campo é uma poesia indescritível. Obrigado Tétis por esta oportunidade de me levar sem ter que pagar passagem a um tempo precioso do meu passado com sua postagem, suas imagens e canção. Na cidade grande e longe do campo com estas recordações ganhei o meu fim de semana. Que o seu final de semana seja igualmente feliz quanto o meu. Saudações Poéticas - Mario Neves.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Poeta e Amigo Mário

      Este teu comentário é um poema, cada frase um verso que muito apreciei.

      O que relatas são experiências maravilhosas, daquelas que, por muitos anos que vivamos, sempre ficarão gravadas na nossa memória, no nosso coração e modelam e condicionam o nosso sentir.

      Até breve.

      Beijinhos da amiga

      Tétis

      Eliminar
  13. Á quanto tempo não ouvia esta canção, um poema maravilhoso adorei recordar.
    Bom fim de semana.
    beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria

      Acho que poema de Ary musicado e interpretado por Fernando Tordo resultam numa canção maravilhosa que nunca canso de ouvir.

      Beijinhos

      Eliminar
  14. Olá Tétis,

    Gostei do video, obrigado por partilhar.

    Abraço grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Argos

      O vídeo está bem conseguido mas a canção, pelo menos para mim, é muito bonita.

      Abraço amigo

      Eliminar
  15. Querida amiga Tétis

    Voltei agora de férias..

    gracias,obrigado por compartir siempre estas cosas tan lindas con sentimientos que nos dan mucho gusto a todos.

    Besistos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Poseidón

      Já sei que as férias foram em beleza. Ainda bem que as aproveitaste e descansaste.

      Bisous

      Eliminar
  16. Heranças frias caem como presentes
    Uma árvore morreu, sem nada dizer
    Uma palavra ficou perdida no chão da rua
    Uma última palavra que nunca será tua

    Uma menina feliz chega a mim pelos seus pés
    Vinda de um mundo desenhado na ilusão
    Trás uma grinalda de flores de sangue
    Colhidas a um ferido coração

    Convido-te a tocar e ler o “Meu muro das tentações”


    Doce beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Profeta

      Obrigada por estes maravilhosos versos e pelo convite que aceito com todo o gosto. Só agora me será possível passar pelo "Meu muro das tentações". Vou a correr para lá.

      Agradeço e retribui o doce beijo.

      Eliminar

Cada comentário a este post é mais um Facho de Luz que nos ilumina.
Mas, se apenas quiser assinalar a sua presença, dar-nos um recadinho ou dizer-nos um simples “olá”, poderá também fazê-lo no nosso Mural de Recados.
A equipa do Farol agradece o vosso carinho e Amizade.